HÁ QUANTO TEMPO VOCÊ JÁ FOGE DE SI MESMO?

HÁ QUANTO TEMPO VOCÊ JÁ FOGE DE SI MESMO?

Ouvir-se, reconhecer-se, lidar com seus embustes mais profundos não é sempre tarefa simples. E talvez você, como eu, muitas vezes foge, seja ocupando-se 100% com o trabalho, ou com as relações familiares, ou com seus vícios, ou qualquer outra coisa que seja.

Por outras vezes, você gasta seu tempo em cuidar da vida alheia, ou cobra do outro aquele padrão que você queria que ele se encaixasse para suprir suas necessidades, ou, pior, vomita no outro tudo aquilo de ruim que está em você, como se o outro fosse o responsável por sua falta em reconhecer-se, entender seus próprios monstrinhos.

Por outras ainda, você vive em constante culpa de quem você é.

É… talvez isso tudo seja só devaneio da minha mente.

É… talvez isso aconteça mesmo.

É… talvez.

Silêncio para ouvir-se.

Qual é o barulho da sua cabeça?

#karencampana #reflexão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s