Nem sempre…

Nem sempre esperamos a tormenta. Nem sempre parecemos preparados para o que vem. Nem sempre entendemos o ciclo da vida. Nem sempre…

Nem sempre estamos atentos aos novos ventos. Nem sempre compreendemos o balançar das árvores. Nem sempre entendemos os porquês. Nem sempre…

Nem sempre entendemos que a esperança renasce de onde não se espera. Nem sempre compreendemos o que é o hoje diante do amanhã. Nem sempre estamos otimistas diante das circunstâncias. Nem sempre…

Nem sempre é dia de alegria. Nem sempre é dia de chorar. Nem sempre é dia de vida equilibrada. Nem sempre…

Nem sempre compreendemos os outros. Nem sempre os outros nos compreendem. Nem sempre o outro sou eu e o eu é o outro. Nem sempre…

Nem sempre vemos a realidade alheia. Nem sempre compreendemos o que os outros nos proporcianam. Nem sempre entendemos o nós diante do caos. Nem sempre…

Nem sempre é o que se espera. Nem sempre venceremos. Nem sempre perderemos. Nem sempre…

Apenas espero que sempre superemos. Apenas espero que nos recordemos de renovar nossos sonhos. Apenas espero que sejamos paz em meio ao catastrófico.

Esperança! É o que desejo a vocês nos dias de hoje.

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s