ENEM 2018 e o tema da redação

Realizada ontem, dia 4 de Novembro, a primeira fase do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) contou com uma prova repleta de temas atuais, recorrentes no debate entre os brasileiros, principalmente, nas redes sociais, e muitos outros fatos bastantes atuais: racismo, direitos humanos, ditadura, feminicídio, variação linguística, tragédia do Museu Nacional, dentre outros.

Mas o que mais deteve as atenções e pode ter aflorado os ânimos dos candidatos foi o tema central da redação:

Captura de Tela 2018-11-05 às 13.20.18

 

redacaoBastante pertinente observando os acontecimentos dos últimos anos, nessa dissertação-argumentativa, os candidatos poderiam ter apresentado alguns argumentos, dos quais listarei a seguir, associados, claramente, às informações dadas nos textos de apoio:

  1. Marco Civil da Internet, Lei N° 12.965/14: no Brasil, desde que aceitem os termos de uso, a lei permite que empresas privadas usem dados de usuários para disparo de informações, propagandas e conteúdos que melhor se adequem ao perfil dos usuários. Inclusive, há um crescimento de empresas especialistas em Marketing dirigido e uso de redes sociais, que consideram, por exemplo, os algoritmos que Google e Facebook usam para fazer publicidade (fonte: BRASIL, 2014).
  2. Bolha social: consequente desse direcionamento de dados, muitos vezes o internauta se vê preso em uma “bolha”, em que apenas acessa conteúdos delimitados, já que tende a ler, ouvir e ver apenas o que está ali estampado nas primeiras páginas das redes sociais, sem se aprofundar em maiores pesquisas (veja este vídeo do Canal Nostalgia).
  3. Eleições para presidente nos EUA: A investigação que está rolando a respeito da eleição do presidente Trump nos EUA e a consultoria britânica Cambridge Analytica, com manipulação de dados e disparo de comunicações que contribuíram para levar os eleitores à escolha do presidente (fonte: Vox, NY Times, Folha, etc.).
  4. Vazamentos de informações oficiais do WikiLeaks: por meio do analista de sistemas Edward Snowden, houve uma crise diplomática entre diferentes países, devido ao vazamento de informações oficiais (fonte: Fronteira, CanalTech). Este foi outro fato importante dentro dessa temática.
  5. Fake News: sem ser único argumento, de modo a não perder o foco da redação, esse seria um outro ponto que poderia ser abordado. Nas mais diversas esferas, inclusive no período eleitoral no Brasil, de ambos lados, há um crescimento de Fake News longe de ter seu fim e que contribuem para com essa manipulação (fonte: BBC, TV Brasil, as próprias páginas dos candidatos, etc.).
  6. Censura na Internet em outros países: de forma não tão aprofundada, mas que poderia ser mais um argumento é a questão do controle da internet em outros países, como China, Coréia do Norte, Arábia Saudita, Cuba, etc. (fonte: Nova Escola, Exame).
  7. Níveis de leitura no Brasil: considerando uma população que pouco lê e se informa, torna-se mais fácil a manipulação de comportamentos proveniente dessa manipulação de dados. Os brasileiros leem cerca de apenas 2 livros ao ano, sendo que alguns nunca compraram um livro, além das falências das Livrarias no país demonstrando um comportamento social (além de problemas entre sócios, é claro!) (fonte: Gazeta do Povo, Estadão, Observatório).
  8. Privacidade na internet: este poderia ser outro argumento. Atualmente, as pessoas estão muito mais expostas devido o uso das redes.
  9. Fim do anonimato na Internet: sem ferir a Constituição Federal, já que não se trata necessariamente de um direito, era possível defender o fim do anonimato na Internet, caso o candidato quisesse. Apenas deveria cuidar como colocar isso, sem se prejudicar quanto à pontuação indicada na competência 5.

Como se pode perceber, tal tema vai muito além de política: trata sobre costumes, sobre controle de dados na internet e os comportamentos humanos advindos dessa nova realidade. Manipulação, comportamento, usuário, internet eram palavras-chaves para essa redação.

Além de claro apontar argumentos sobre a realidade já existente, era necessário, para o alcance de uma melhor nota, apresentar propostas solutivas, como, por exemplo, a criação de leis que promovam maior transparência das empresas que detêm os dados dos usuários.

 

…………….

Espero que você candidato tenha feito uma excelente prova e “lacrado” na redação. Boa sorte a todos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s