Dia 7 está aí! Já se decidiu?

Próximo dia 7 é dia de Eleições no Brasil.

Há menos de 1 semana, tenho percebido que muitas pessoas ainda não decidiram todos os seus candidatos, seja às vagas de presidência, governo estadual, senado e câmaras estaduais e federais. Outros tem pensado no voto nulo ou branco, seja como forma de protesto, seja como abrir mão de algo que não gostam e/ou não entendem (confesso que esta última opção, apesar de já ter votado nulo em outra época, talvez agora, diante desse clima infelizmente polarizado, não seja uma boa opção, afinal você tende a favorecer inclusive algum(a) candidato(a) que não te agrada dando voz e poder a ele(a)).

Talvez isso se deva ao distanciamento constante que os eleitores brasileiros têm com política, muitas vezes até tratando-as como partidas de futebol, desconsiderando que nessa guerra política em que está instaurado o país não há vencedores. Mas nunca é tarde para mudar esse comportamento!

Deverá existir SIM o compromisso com a democracia, em que esses mesmos eleitores, entendam que seu papel de cidadãos é cobrar dos governantes as propostas preestabelecidas, serem uma espécie de fiscais.

Por isso, para escolher qualquer candidato a qualquer cargo é fundamental conhecer suas propostas, verificando se o que o candidato propõe é mesmo competência da sua função a ponto de cumprir tal promessa futuramente e se ele(a) consegue estabelecer diálogos a ponto de levar os outros parceiros (inclusive de oposição) a aceitar suas ideias e seguir com seus projetos (uma andorinha não faz verão… os interesses políticos são muitos! Já ouviram falar de propininha, né?).

Aproveito, a seguir, para indicar alguns materiais que abordam sobre as funções de todos os cargos que serão determinados no próximo domingo:

 

Mais do que ler, ver e ouvir conteúdos e defesas nas próprias páginas de candidatos e seus comparsas, que tal investigar (muito mais além) e por conta própria? Apesar de suas utilidades e campanhas (benéficas ou não), tentemos ir além dessas páginas das mídias, dos atores, cantores, juízes, chapas de campanha, MBL, Quebrando o tabu, Joices, Janaínas… Seria utópico, ainda que continuemos seguindo toda essa galera, investiguemos por conta própria? Acho que não! Demanda tempo e paciência, mas um voto consciente e o conhecimento político pode elevar o Brasil a um patamar além de promessas e suas quebras, de divisões e desilusões.

O eleitor precisa reconhecer seu papel. Enquanto ficar achando política uma pauta chata ou intrigando com quem está começando a se inteirar mais sobre o assunto ou reclamando apenas nas redes sociais sobre as mazelas da sociedade ou falando “amém” para aqueles que seguem (sejam eles líderes políticos, religiosos, acadêmicos etc.) ou até mesmo apenas fazendo campanha política “puxando-saco” de candidatos, os ditos “salvadores da pátria”, os governantes riem, deitam e rolam, sambam na nossa cara… Enfim. Use o termo que preferir.

Você gostando ou não, a política reflete totalmente no seu dia-a-dia dentro de uma sociedade. Não é possível que você não se preocupe nem com você mesmo, né?!

Reaja, cidadãos!

Não há mudança enquanto não exista eleitores mais conscientes e inteirados do que acontece na política! Parafraseando o livro bíblico de Oséias, o povo perece por falta de conhecimento.

Ah! E não menos importante! Pense sobre suas atitudes que também refletem um caráter corrupto. Nossa natureza é assim, infelizmente. Uma autoanálise vai bem para que não caíamos na hipocrisia e no falso moralismo. Os políticos apenas refletem quem também somos (ainda que não em sua totalidade).

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s